Quarta-Feira, 12 de Junho Paraguaçu Paulista 30ºC - 14ºC veja mais

Americanas divulga prejuízo de R$ 19,1 bi em 2021 e 2022

17/11/2023 - Plano de recuperação judicial exige apresentação de novos balanços.


Americanas divulga prejuízo de R$ 19,1 bi em 2021 e 2022

Prestes a ter o plano de recuperação judicial votado, as Lojas Americanas divulgaram nesta quinta-feira (16) o tamanho do prejuízo após as descobertas de fraudes contábeis no início do ano. Em 2021 e 2022, a companhia acumulou prejuízo de R$ 19,1 bilhões, dos quais R$ 6,2 bilhões em 2021 e R$ 12,9 bilhões no ano passado, o maior rombo anual da história da empresa.

O balanço de 2021, que originalmente apontava lucro de R$ 544 milhões, foi revisado. Adiado por quatro vezes, o balanço de 2022 ainda não tinha sido divulgado. A divulgação dos resultados é condição para que o plano de recuperação judicial possa ser votado pela assembleia de credores. A votação está prevista para ocorrer na terceira semana de dezembro.

Em 19 de janeiro, as Lojas Americanas entraram em recuperação judicial, com dívidas declaradas de R$ 49,5 bilhões. Uma semana antes, em 11 de janeiro, o então CEO da companhia pediu demissão ao descobrir “inconsistências contábeis” em torno de R$ 20 bilhões.

Posteriormente, assessores jurídicos envolvidos no plano de recuperação judicial apontaram que as gestões anteriores inflaram os lucros das Lojas Americanas em R$ 25,3 bilhões. O valor refere-se a vários anos, mas a empresa não informou por quantos anos perdurou a maquiagem contábil.

Os novos balanços enfrentam resistências. Contratada em junho para auditar a contabilidade das Lojas Americanas, a firma de auditoria BDO não deu o aval para os números. Em relatório anexo aos resultados, os auditores informaram não expressar opinião sobre as demonstrações contábeis porque “não nos foi possível obter evidência de auditoria apropriada e suficiente para fundamentar nossa opinião de auditoria sobre essas demonstrações contábeis individuais e consolidadas”.

Entre os principais questionamentos da BDO estão o teste de valor recuperável dos ativos (valor que pode ser recuperado), que, segundo os auditores, não se baseou em premissas que não considerassem as inconsistências contábeis. A BDO substituiu a PwC, responsável por auditar os balanços anteriores das Lojas Americanas.

Histórico

Em fevereiro, a Agência Brasil mostrou como a antecipação de vencimentos de contratos com fornecedores pode estar por trás do esquema de fraudes contábeis. Advogados envolvidos no caso apontaram falhas em bancos que descontavam duplicatas e em empresas de auditoria e pediram mudanças na Lei de Recuperação Judicial para distinguir gestão fraudulenta de crise comum.

 

Fonte: Agência Brasil



MAIS NOTÍCIAS

Feirão de negociação de dívidas da Sabesp vai até sábado, dia 15

Mutirão acontece em todos os municípios atendidos pela Companhia

Tradicional Festa Caipira da Casa Lar será nos dias 6 e 7 de julho

Evento terá música ao vivo, quermesse, almoço e leilão de gados.

Energisa investe em melhorias no sistema elétrico da região

Cronograma desta semana contempla serviços de manutenção na rede

Ônibus Circular gratuito de Quatá atinge marca de 64 mil passageiros em 8 meses

O transporte gratuito é uma opção prática e segura para deslocamento dentro da cidade.

Ministério Público do Estado de São Paulo denunciou suspeita no caso dos perfis falsos em Paraguaçu

Uma das envolvidas aceitou o pagamento de multa; outra foi denunciada e responderá criminalmente.

Departamento Municipal de Esporte e Lazer abre inscrições para aulas de natação em Paraguaçu

Vagas são para crianças de 8 a 11 anos e para a comunidade em geral

Escritoras de Paraguaçu Paulista participam de Encontro Mundial de Literatura

Valdina e Valdineia possuem vasto currículo literário

Arraiá de Prêmios da APAE atrai multidão e mais uma vez é sucesso em Paraguaçu Paulista

Show de Prêmios teve apoio do comércio local e a finalidade foi arrecadar recursos

Marque #tvparaguacu
ANUNCIE DIVULGUE